Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar
> > Gustave Flaubert
Gustave Flaubert (1821-1880)
Foto de Gustave Flaubert

Gustave Flaubert foi um escritor francês do século XIX célebre pelo romance Madame Bovary

Biografia de Gustave Flaubert
Gustave Flaubert nasceu em 12 de Dezembro de 1821 em Rouen, França. O seu talento literário manifestou-se desde cedo quando, aos 8 anos, já escrevia textos que evidenciavam talento.

Estuda no Colégio Real, onde faz amigos para a vida inteira, tais como Louis Boulhiet (1829-1869), poeta; Maxime Du Camp (1822-1894), futuro editor e jornalista, e Alfred Le Poittevin, morto prematuramente. Interessado em literatura, dirige o semanário escolar, “Arte e Progresso”.

Aos 15 anos, interessa-se por teatro, e compôs um drama em 5 atos, em prosa, “Luís XI”. Em 1837, escreve seu primeiro romance, “Rêve d'enfer”, uma obra ainda imatura e juvenil, mas que já vislumbra os traços que caracterizariam suas futuras heroínas.

Em 1846, Flaubert conhece Louise Collet, separada do marido e mãe de uma jovem de 16 anos, amante do filósofo Vitor Cousin, e inicia um romance.

Flaubert rompe com Louise em 1848 e, mergulhado na literatura, não percebe as transformações da França, tais como a revolução desse mesmo ano, que derruba o Rei Luís Filipe e entrega o poder a Napoleão III, proclamado imperador em 1852.

Em 1856 publica «Madame Bovary»; em 1862, «Salambô»; em 1869, «A Educação Sentimental»; em 1874, «A Tentação de Santo António».

Pouco antes de sua morte, vende suas propriedades para evitar a falência do marido de sua sobrinha, e passa a viver de um salário como conservador da Biblioteca Mazarine.

Seus últimos anos são marcados por dificuldades financeiras. Morre subitamente, em Croisset, provavelmente de AVC, e é sepultado no Cemitério Monumental de Rouen, na presença daqueles que o reconheciam como seu mestre: Émile Zola, Alphonse Daudet, Edmond de Goncourt, Théodore de Banville e Guy de Maupassant.

Flaubert foi um dos mestres do Realismo, movimento estético de reação ao Romantismo europeu no século XIX, influenciado pelas teorias científicas, a Revolução Industrial e a linha filosófica de Augusto Comte. Flaubert marcou a literatura francesa pela profundidade da análise psicológica que extraía das suas personagens. O cuidado na sintaxe, na escolha do vocabulário e na estrutura da narrativa são caraterísticas de Gustave Flaubert e que influenciaram muitos outros escritores.

anúncio
Obra de Gustave Flaubert
Capa do livro Madame Bovary
Ano: 1857
Madame Bovary é um romance de Gustave Flaubert cuja história se desenrola perto da cidade de Rouen, no norte de França. Charles Bovary, no início do r...


Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site
 
Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Saiba mais | Compreendi