Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar
> > A Mulher de Trinta Anos

Capa do livro A Mulher de Trinta Anos de Honoré de Balzac
Título: La Femme de Trente Ans
Ano de Edição: 1842
Páginas: 205
Sinopse:
Nesta obra, Balzac penetra de maneira ampla e generosa a alma feminina, a ponto de merecer de sua amiga Zulma Carraud as seguintes linhas: "Você tem uma visão do coração das mulheres que nunca foi dada a nenhum outro homem... nunca um homem conseguiu entrar mais fundo na existência delas...". Balzac, em «A mulher de trinta anos», foi um precursor do feminismo, ao mostrar Julie, a infeliz heroína, às voltas com problemas fundamentais da vida amorosa e sentimental das mulheres e com o fracasso do casamento.

O termo Balzaquiano entrou para o dicionário português não só como "algo relativo à obra de Balzac", mas também como um adjectivo para qualificar pessoas com mais de trinta anos, especialmente na forma feminina, uma balzaquiana. Isso se deve justamente a este romance, um dos mais populares do autor.

Curiosidades:
Com este livro Balzac descobre um novo tipo psicológico
Excerto:
«Esse domingo era o décimo-terceiro do ano de 1813. Dois dias depois, Napoleão partia para aquela fatal campanha, durante a qual ia perder sucessivamente Bèssieres e Duroc, ganhar as memoráveis batalhas de Lutzen e de Bautzen, ver-se traído pela Áustria, Saxônia, Baviera, por Bernadotte, e disputar a terrível batalha de Leipzig. »
anúncio
Os capítulos deste livro:
Primeiros erros 1
Sofrimentos desconhecidos 75
Aos trinta anos 98
O dedo de Deus 123
Os dois encontros 138
A velhice de uma mãe culpada 190
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site