Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 4: Capítulo III

Página 12
Capítulo III

QUANDO EU SONHAVA

Quando eu sonhava, era assim

Que nos meus sonhos a via;

E era assim que me fugia,

Apenas eu despertava,

Essa imagem fugidia

Que nunca pude alcançar.

Agora que estou desperto,

Agora a vejo fixar...

Para quê? - Quando era vaga,

Uma ideia, um pensamento,

Um raio de estrela incerto

No imenso firmamento,

Uma quimera, um vão sonho,

Eu sonhava - mas vivia:

Prazer não sabia o que era,

Mas dor, não na conhecia...

...........................................

<< Página Anterior

pág. 12 (Capítulo 4)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro Folhas Caídas
Páginas: 80
Página atual: 12

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
Advertência 1
Livro Primeiro - Capítulo I 6
Capítulo II 8
Capítulo III 12
Capítulo IV 13
Capítulo V 19
Capítulo VI 21
Capítulo VII 23
Capítulo VIII 25
Capítulo IX 26
Capítulo X 27
Capítulo XI 28
Capítulo XII 30
Capítulo XIII 31
Capítulo XIV 33
Capítulo XV 34
Capítulo XVI 35
Capítulo XVII 37
Capítulo XVIII 38
Capítulo XIX 39
Capítulo XX 42
Capítulo XXI 44
Capítulo XXII 45
Capítulo XXIII 47
Capítulo XXIV 48
Capítulo XXV 50
Livro Segundo - Capítulo I 51
Capítulo II 52
Capítulo III 53
Capítulo IV 54
Capítulo V 55
Capítulo VI 57
Capítulo VII 59
Capítulo VIII 60
Capítulo IX 61
Capítulo X 62
Capítulo XI 63
Capítulo XII 64
Capítulo XIII 66
Capítulo XIV 69
Capítulo XV 71
Capítulo XVI 73
Capítulo XVII 74
Capítulo XVIII 80
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site