Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 5: TRÊS HORAS ENTRE DOIS AVIÕES

Página 172
TRÊS HORAS ENTRE DOIS AVIÕES

Era uma probabilidade longínqua, mas Donald estava bem-disposto, cheio de saúde e aborrecido, com a sensação de ter cumprido um dever maçador. Ia agora ter a sua compensação. Talvez.

Quando o avião aterrou ele saiu para uma noite de Verão do médio-oeste e dirigiu-se para o isolado aeroporto do «Pueblo», como se convencionara chamar a velha «estação de caminho-de-ferro» vermelha. Não sabia se ela estava viva, nem se vivia naquela terra, nem qual era o seu nome actual. Com crescente excitação procurou na lista telefónica o nome do pai dela, que também podia ter morrido em qualquer altura, durante aqueles vinte anos.

Mas não. Juíz Harmon Holmes - Hillside 3194. Quando perguntou por Miss Nancy Holmes respondeu-lhe uma voz divertida de mulher:

- A Nancy está casada com Mr. Walter Gifford. Quem é que fala?

Mas Donald desligou sem responder. Descobrira o que queria saber e só dispunha de três horas. Não se lembrava de nenhum Walter Gifford e houve outro momento de expectativa enquanto consultava rapidamente a lista. Podia estar casada fora da cidade.

Não. Walter Gifford - HilIside 1191. O sangue voltou-lhe às pontas dos dedos.

- Está lá? Mrs. Gifford está? Fala um velho amigo dela.

- Sou eu própria.

Lembrou-se, ou julgou lembrar-se, da estranha magia da voz dela.

- Fala o Donald Plant. Já não te vejo desde os meus doze anos.

- Ah-h-h! - O tom era de completa surpresa, muito delicado, mas não conseguiu distinguir nele alegria, nem qualquer sinal de que fora reconhecido. - Donald! - acrescentou a voz. Desta vez havia nela mais do que uma luta de memória.

- ...quando foi que voltaste? - E depois com cordialidade. - Onde estás?

- Estou no aeroporto; só por algumas horas.

<< Página Anterior

pág. 172 (Capítulo 5)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro A Década Perdida
Páginas: 182
Página atual: 172

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
O PRIMEIRO DE MAIO 1
O DIAMANTE DO TAMANHO DO RITZ 60
O MENINO RICO 108
A ABSOLVIÇÃO 154
TRÊS HORAS ENTRE DOIS AVIÕES 172
A DÉCADA PERDIDA 179
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site