Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 1: 1 - Na Toca do Coelho

Página 2
Então, ardendo de curiosidade, ela correu atrás dele campo afora, chegando justamente a tempo de vê-lo sumir numa grande toca sob a cerca.

No instante seguinte, Alice entrou na toca atrás dele, sem ao menos pensar em como é que iria sair dali depois. A toca do coelho, no começo, alongava-se como um túnel, mas de repente abria-se como um poço, tão de repente que Alice não teve um segundo sequer para pensar em parar, antes de se ver caindo no que parecia ser um buraco muito fundo. Ou o poço era profundo demais, ou ela caía muito devagar, pois teve tempo de sobra durante a queda para olhar em volta e perguntar-se o que iria acontecer em seguida. Primeiro, tentou olhar para baixo, para ver aonde estava indo, mas estava escuro demais para ver qualquer coisa: então, olhou para as paredes do poço e notou que estavam cheias de armários e prateleiras: aqui e ali viu mapas e quadros pendurados. Enquanto passava, pegou de uma das prateleiras um pote: tinha o rótulo “GELÉIA DE LARANJA”, mas para seu desapontamento estava vazio: não quis jogar fora o pote, com medo de acertar mortalmente alguém lá embaixo, então, esforçou-se por colocá-lo de volta em uma das prateleiras enquanto passava.

“Bom”, pensou Alice, “depois de um tombo desses, não vou achar nada demais cair de uma escada! Todos lá em casa vão pensar que fiquei muito corajosa! Não lhes vou contar nada, mesmo se cair do telhado!” (O que era bem possível que acontecesse.)

Caindo, caindo, caindo. Esta queda não acabaria nunca? “Queria saber quantos quilômetros já desci nesse tempo todo!”, disse em voz alta. “Devo estar chegando perto do centro da terra. Deixe-me ver... devem ser uns seis mil quilômetros, por aí...” (porque, como se vê, Alice aprendera muitas coisas desse tipo na escola, e embora essa não fosse uma oportunidade lá muito boa para mostrar seus conhecimentos, uma vez que não havia ninguém para escutá-la, contudo era sempre bom praticar um pouco)

<< Página Anterior

pág. 2 (Capítulo 1)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro Alice no País das Maravilhas
Páginas: 91
Página atual: 2

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
1 - Na Toca do Coelho 1
2 - O Mar de Lágrimas 8
3 - Uma Corrida Eleitoral e uma Longa História 15
4 - O Coelho dá uma Tarefa a Bill 22
5 - Conselhos de uma Lagarta 31
6 - O Porco e a Pimenta 38
7 - Um Chá de Loucos 47
8 - O Campo de Croquet da Rainha 55
9 - A História da Falsa Tartaruga 63
10 - A Quadrilha da Lagosta 71
11 - Quem Roubou as Tortas 78
12 - O Depoimento de Alice 85
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site