Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 9: 9 - A História da Falsa Tartaruga

Página 70

“Nunca estudei com ele”, disse a Falsa Tartaruga com um suspiro, “dizem que ele lecionava Letras Crespas e Ladinas.”

“Isso mesmo, isso mesmo”, disse o Grifo, soluçando por sua vez. E as duas criaturas esconderam a face entre as patas.

“E quantas horas de aula por dia vocês tinham?” perguntou Alice, com pressa de mudar de assunto.

“Dez horas no primeiro dia”, disse a Falsa Tartaruga, “nove no segundo, e assim por diante.”

“Que horário curioso!” exclamou Alice.

“É por isso que se chamavam cursos”, observou o Grifo, “porque ficavam cada dia mais curtos.”

Era uma idéia tão nova para Alice que ela teve de pensar um pouco antes de fazer outro comentário. “Então o décimo primeiro dia devia ser sempre feriado, não é?”

“É claro”, disse a Falsa Tartaruga.

“E como vocês faziam no décimo segundo?” insistiu Alice.

“Chega de falar de lições”, interrompeu o Grifo em tom muito decidido. “Conte-lhe agora alguma coisa sobre jogos.”

<< Página Anterior

pág. 70 (Capítulo 9)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro Alice no País das Maravilhas
Páginas: 91
Página atual: 70

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
1 - Na Toca do Coelho 1
2 - O Mar de Lágrimas 8
3 - Uma Corrida Eleitoral e uma Longa História 15
4 - O Coelho dá uma Tarefa a Bill 22
5 - Conselhos de uma Lagarta 31
6 - O Porco e a Pimenta 38
7 - Um Chá de Loucos 47
8 - O Campo de Croquet da Rainha 55
9 - A História da Falsa Tartaruga 63
10 - A Quadrilha da Lagosta 71
11 - Quem Roubou as Tortas 78
12 - O Depoimento de Alice 85
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site