Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 14: Capítulo 7 – Birdy Edwards Cai na Armadilha

Página 160
Capítulo 7 – Birdy Edwards Cai na Armadilha

Como Mac Murdo lembrara, a casa ficava no limite da cidade, totalmente isolada e, tornava-se assim, local propício para a execução capital que tinham planeado.

Se assim não fosse, poderiam ter caído sobre a presa num outro lugar qualquer, mas seria mais arriscado quanto à possibilidade de surgirem testemunhas ocasionais.

Por outro lado, convinha interrogá-lo, para averiguar-se até que ponto já estava informado das actividades dos Vingadores e que informações já transmitira à «Pinkerton». Esse interrogatório não poderia ser efectuado no exterior.

Se a agência estivesse já demasiado informada de factos reais, restava ainda a oportunidade de se vingarem na pessoa do agente investigador. Aquela era uma hipótese que não lhes parecia muito provável visto que, se Birdy não precisasse de informações mais precisas, não teria interrogado Mac Murdo no comboio, nem viria a sua casa.

Logo que o caçassem, saberiam obrigá-lo a falar. Não seria a primeira vez que se davam ao prazer de torturarem uma testemunha relutante.

Na manhã seguinte, Mac Murdo partiu para Hobson’s Patch e notou que a Polícia se mostrava mais activa do que o costume. Na estação encontrou o Capitão Marvim que veio ao seu encontro, com intenção de falar-lhe, mas Mac Mordo virou-lhe as costas, recusando-se a responder-lhe fosse o que fosse.

Ao regressar da sua missão, foi transmitir os resultados a Mac Ginty.

- O tipo vem.

- Óptimo!

O gigante estava em mangas de camisa; a corrente de ouro cintilava-lhe no colete e, por entre as barbas, luzia o brilhante do seu alfinete de gravata. A senda do crime tinha-o transformado num indivíduo poderoso, de maneira que agora, a visão da forca incomodava-o mais do que nos tempos em que nada tinha a perder.

<< Página Anterior

pág. 160 (Capítulo 14)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro O Vale do Terror
Páginas: 172
Página atual: 160

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
PRIMEIRA PARTE - A TRAGÉDIA DE BIRLSTONE - Capítulo 1 – O Aviso 1
Capítulo 2 – Sherlock Holmes Discorre 11
Capítulo 3 – A Tragédia de Birlstone 20
Capítulo 4 – A Treva 31
Capítulo 5 – A Personagem do Drama 43
Capítulo 6 – Uma Réstia de Luz 56
Capítulo 7 – A Solução 71
SEGUNDA PARTE - OS VINGADORES - Capítulo 1 – O Homem 88
Capítulo 2 – O Grão-Mestre 95
Capítulo 3 – Loja 341, Vale Vermissa 109
Capítulo 4 – O Vale do Terror 127
Capítulo 5 – O Inverno Negro 139
Capítulo 6 – Perigo 149
Capítulo 7 – Birdy Edwards Cai na Armadilha 160
Epílogo 170
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site