Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 9: Parte VIII

Página 27
Parte VIII

Tanto que Brísida Vaz se embarcou, veio um Judeu, com um bode às costas; e, chegando ao batel dos danados, diz:

JUDEU

Que vai cá? Hou marinheiro!

DIABO

Que má-hora vieste!

JUDEU

Cuj’é esta barca que preste?

DIABO

Esta barca é do barqueiro.

JUDEU

Passai-me por meu dinheiro.

DIABO

E o bode há cá de vir?

JUDEU

Pois também o bode há-de ir.

DIABO

Que escusado passageiro!

JUDEU

Sem bode, como irei lá?

DIABO

Nem eu nom passo cabrões.

JUDEU

Eis aqui quatro testões

e mais se vos pagará.

Por vida do Semifará

que me passeis o cabrão!

Querês mais outro testão?

DIABO

Nenhum bode há-de vir cá.

JUDEU

Porque nom irá o judeu

onde vai Brísida Vaz?

Ao senhor meirinho apraz?

Senhor meirinho, irei eu?

DIABO

E

<< Página Anterior

pág. 27 (Capítulo 9)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro Auto da Barca do Inferno
Páginas: 41
Página atual: 27

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
Introdução de Gil Vicente 1
Parte I 2
Parte II 4
Parte III 10
Parte IV 13
Parte V 16
Parte VI 19
Parte VII 24
Parte VIII 27
Parte IX 29
Parte X 32
Parte XI 36
Parte XII 39
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site