Procurar livros:
    Procurar
Procurar livro na nossa biblioteca
 
 
Procurar autor
   
Procura por autor
 
marcador
  • Sem marcador definido
Marcador
 
 
 
Navegar

Capítulo 42: Capítulo XLI

Página 395
Capítulo XLI

«As fogueiras da margem ocidental brilharam clara e vivamente até ao último instante, até ao momento em que o dia claro avançou sobre elas de repente; então, no meio de um grupo de silhuetas escuras, parado entre as primeiras casas, Brown viu um homem vestido à europeia, todo de branco e de capacete. 'Ele aí está; olhem!, olhem!', disse Cornélio, excitado. Os homens de Brown levantaram-se de um salto e, com os olhos baços, amontoaram-se atrás do chefe. O grupo vestido de cores vivas, com os rostos escuros, com a silhueta branca no meio, observava o cabeço. Brown distinguia braços nus levantados para proteger os olhos e outros que apontavam. Que devia fazer? Circunvagou o olhar pelas florestas, que, cercando-o de todos os lados, delimitavam a arena de um combate desigual. Olhou outra vez para os seus homens. O desprezo, o cansaço, uma ânsia de viver, o desejo de tentar a sorte uma última vez - tentar talvez a morte -, lutavam no seu peito. Pelo contorno que a silhueta apresentava, pareceu-lhe que o branco, secundado por todas as forças do país, estava a examinar a sua posição com um binóculo. De braços levantados e mãos abertas, Brown saltou para o tronco de uma árvore. O grupo de gente escura fechou-se à volta do branco e retrocedeu duas vezes, antes de ele se ver livre deles; Jim, sozinho, avançou lentamente. Brown ficou de pé, empoleirado no tronco, até Jim, que aparecia e desaparecia por entre as moitas de arbustos espinhosos, estar quase a alcançar o ribeiro; Brown saltou então e desceu para ir ao encontro dele, na margem.

«Penso que se encontraram não longe do local, talvez no mesmo ponto, onde Jim arriscara o segundo salto desesperado da sua vida, o salto que o fizera cair na vida de Patusan e lhe valera a confiança, o amor e a admiração de um povo.

<< Página Anterior

pág. 395 (Capítulo 42)

Página Seguinte >>

anúncio
Capa do livro Lord Jim
Páginas: 434
Página atual: 395

 
   
 
   
Os capítulos deste livro:
Nota do Autor 1
Capítulo I 4
Capitulo II 12
Capítulo III 19
Capítulo IV 30
Capítulo V 37
Capítulo VI 60
Capítulo VII 82
Capítulo VIII 95
Capítulo IX 107
Capítulo X 119
Capítulo XI 135
Capítulo XII 141
Capítulo XIII 151
Capítulo XIV 164
Capítulo XV 179
Capítulo XVI 184
Capítulo XVII 191
Capítulo XVIII 195
Capitulo XIX 205
Capítulo XX 212
Capítulo XXI 226
Capítulo XXII 235
Capítulo XXIII 242
Capítulo XXIV 251
Capítulo XXV 258
Capítulo XXVI 268
Capítulo XXVII 275
Capítulo XXVIII 283
Capítulo XXIX 292
Capítulo XXX 299
Capítulo XXXI 306
Capítulo XXXII 315
Capítulo XXXIII 322
Capítulo XXXIV 333
Capítulo XXXV 343
Capítulo XXXVI 350
Capítulo XXXVII 357
Capítulo XXXVIII 366
Capítulo XXXIX 376
Capítulo XL 385
Capítulo XLI 395
Capítulo XLII 402
Capítulo XLIII 410
Capítulo XLIV 418
Capítulo XLV 424
Links Relacionados
 
Artigos: Porque lemos literatura | O Ensaio na literatura | O primeiro texto da língua portuguesa 
© 2010 Ciberforma Informática. Todos os direitos reservados. Contacto | Política de privacidade | Mapa do Site